Homem é preso com mais de 1000 calcinhas furtadas de varais.

Um homem de 41 anos foi preso após furtar 1. 045 peças íntimas de residências. Segundo a polícia já é a segunda vez que o suspeito é preso pelo mesmo crime, em 2015 ele foi preso com 315 peças íntimas furtadas.

O crime aconteceu no interior de Minas Gerais, na Cidade de Turmalina.

Após denúncias os policiais foram até a casa do suspeito, as peças foram encontradas dentro do colchão, Guarda Roupa e embaixo da cama. Questionado sobre os crimes o homem não quiz gravar entrevista mas após ser revistado os policiais notaram que ele usava um fio dental. . Segundo a polícia 8. 880 mulheres fazem parte da população do município, várias delas já foram vítimas de furto de peças íntimas em seus várais em suas residências, mas segundo os investigadores a maioria não registra o Boletim de ocorrência por medo ou por vergonha. O cidadão ficou detido onde vai responder por furto qualificado. A polícia procura as donas das calcinhas e dos sutiãs, lembrando que todas as vítimas têm que registrar o BO para que o suspeito responda por todos os crimes.

Deixe uma resposta