Foi preso o principal suspeito de estuprar e matar adolescente Jennifer Tavares em Maringá-PR.

A prisão aconteceu na madrugada de sexta-feira, (10) em uma Rodoviária de mandaguari. Carlos Alberto Dias da Silva, 29 anos, é apontado como sendo o principal suspeito de ter matado e estuprado, e em seguida ter jogado o corpo de Jennifer Tavares de 16 anos, em um terreno baldio, na Zona Norte de Maringá, no último final de semana.

Investigadores da Delegacia de Homicídios, receberam uma informação anonima que resultou na prisão de Carlos.

Segundo informações a prisao e temporária por dias, determinada pela justiça, até que a polícia consigo montar o inquérito com mais provas contra o Suspeito.

Deixe uma resposta