Polícia Civil já identificou dois Suspeitos da morte de Jennifer Tavares em Maringá-PR.

Em menos de 24 horas após o corpo da adolescente Jennifer Tavares, de 16 anos, ser encontrado por catadores de reciclagem em um terreno baldio, no Jardim Rebouças em Maringá-PR. A Delegacia de Homicidio e Proteção á Pessoas DHPP, já identificou dois suspeitos do crime.

O delegado Diego de Almeida, acompanhou o laudo realizado no Corpo da vítima,  no Instituto Médico Legal, e segundo ele, a adolescente, foi morta por esganadura mecânica, tem sinais de traumatismo craniano e também foi vítima de estupro.

A Polícia está realizando buscas em todos os endereços dos dois homens no qual Jennifer foi vista na noite de sábado e na madrugada de domingo.

Segundo o delegado e só uma questão de tempo para levar os culpados ou o culpado até a justiça.

Deixe uma resposta